3 melhores CMS para otimização SEO

0

Se você precisa fazer um site, é essencial que conheça o Sistema de Gestão de conteúdos, ou CMS (Content Management System, em inglês), que faz com que as informações sejam disponibilizadas aos usuários em um site.

Todos os tipos de sites, sejam corporativos, de notícias, de conteúdo ou lojas virtuais (que vendem desde brinquedos de madeira até consultoria virtual de marketing) devem ter algum tipo de CMS.

Alguns são bastante famosos por serem muito usados por quem produz páginas na internet, como o WordPress e o Drupal.

Há também muitos outros que são mais utilizados para o gerenciamento de informações e, como acabam ficando “na sombra” dos sistemas, acabam sendo menos disseminados.

O mais importante a se saber é que em geral os CMS não são apenas editores de texto, mas também possuem diversos recursos, muitos deles bastante avançados para facilitar a publicação de materiais complementares como vídeos e imagens.

Mas se você quer saber mais sobre os CMS e ver quais são as possibilidades com eles, continue a leitura desse artigo.

A importância do CMS para que o SEO traga bons resultados

Hoje em dia a internet se tornou muito acessível e, por isso é preciso conseguir se destacar para obter bons resultados na web.

Assim buscando seu sucesso as empresas investem muito em estratégias eficientes como SEO, Google-Ads, mídias sociais e muitas outras ferramentas de grande importância.

Compreenda a importância das ferramentas na estratégia

Para que a empresa desenvolva uma boa estratégia, capaz de proporcionar resultados, é necessário saber quais ferramentas escolher e como aplicar cada uma delas.

Então antes de tudo é essencial saber como determinar qual estratégia pode ser mais eficiente em cada caso. Algumas formas de se destacar na web são:

  • Anúncios;
  • Alimentação das redes sociais;
  • Posicionamento orgânico;
  • CMS.

Cada uma delas pode ser usada de maneira diferente de acordo com os objetivos do negócio. Mas a seguir falaremos especificamente do CMS.

Os benefícios do CMS

Muito se fala sobre a utilização dos CMS para melhorar os resultados de uma empresa. Mas por que isso é realmente importante. Veja a seguir os principais benefícios.

Praticidade

Se você precisa criar um site ou já possui um, sabe o quanto é importante manter as atualizações de acordo com as tendências e necessidades dos clientes.

Com um CMS de qualidade é possível alterar o design do site, inserir conteúdo ou editar textos com facilidade.

Criação simplificada

Quem usa os CMS busca praticidade e versatilidade sem que seja necessário ter conhecimento profundo de programação.

De fato com esses sistemas é possível criar um site rapidamente de forma simplificada. Para isso basta ter apenas conhecimentos básicos de informática.

Fácil aplicação da ferramenta SEO

Atualmente com o enorme volume de informações disponíveis online, a concorrência pela atenção de leitores e clientes é muito grande.

Então para se destacar é essencial saber como utilizar corretamente a otimização para busca orgânica, conhecida como SEO (Search Engine Optimization). Nesse caso o CMS pode te ajudar por facilitar a otimização.

Sendo assim, o verdadeiro intuito de se utilizar os CMS é buscar alternativas para que a experiência dos usuários sejas otimizadas.

Isso se torna possível quando se tem as ferramentas exatas, bons materiais e também uma gestão feita de maneira assertiva e estratégica. Nesse sentido um bom CMS pode contribuir grandemente com essas tarefas.

No entanto é essencial perceber que apesar de serem excelentes ferramentas e terem ótimos recursos, eles necessitam de pessoas capacitadas que se responsabilizam pela gestão e edição.

Conheça os 3 principais sistemas CMS

Uma das principais vantagens dos sistemas CMS que serão mostrados a seguir é que eles são gratuitos e também são de simples instalação nos sistemas de hospedagem de sites. Veja quais são eles.

1. WordPress

O WordPress é o CMS mais usado em todo o mundo, sendo responsável por mais do que 40% de todos os sites que contam com sistema desse tipo para gerenciar o conteúdo.

Provavelmente o sucesso se deve ao fato de ele ser o que conta com maior número de plugins e temas que podem ser escolhidos. Além disso a solução de problemas também costuma ser simplificada nesse caso.

2. Joomla

O Joomla é um sistema CMS bastante reconhecido por disponibilizar recursos importantes para a criação de negócios virtuais.

Com relação aos recursos mais avançados e a simplicidade para a edição das páginas ele é tido como intermediário.

3. Drupal

O Drupal é um sistema CMS que já existe há muitos anos e, ao longo do tempo foi acumulando possibilidades aos seus usuários, como personalizações e plugins.

Assim como acontece nas outras, nessa é possível facilmente fazer alterações e novas inclusões sem a necessidade de ter grandes conhecimentos em programação.

Entre as três essa é a plataforma mais completa e, por isso apresenta maior flexibilidade aos seus usuários.

Conclusão

Mas seja lá qual for a plataforma CMS que melhor se encaixe nos seus projetos, o importante é sempre ter uma para que a gestão das suas páginas seja simplificada e o uso do SEO seja mais eficiente.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.